AffonsoRitter.com.br
 
 
Última atualização às:
18:45 - 06/07/2020
Página principal com destaques Destaques
Confira todas as notícias Notícias
Confira nossa NewsLetter NewsLetter
Saiba quem é Affonso Ritter Quem é ?
Entre em contato Contato
Seção Empreendedores Empreendedores
Seção Amantes do Vinho Amantes do Vinho
Dicas de Links Dicas de links
 
BRDE
Banrisul - Digital - Parcelamento Cartao Credito
GBOEX
Intelig?ncia em Tecnologia da Informa??
 
 
 
Estados congelarão salários

Em reunião marcada pelo tom conciliador, o presidente Jair Bolsonaro recebeu apoio de governadores para vetar, no projeto de socorro a estados e municípios, o trecho que autoriza reajustes para servidores públicos. A medida de ajuste foi incluída no texto original sugerido pelo governo, mas desidratada no Congresso. Bolsonaro afirmou que sancionará a lei, com o veto, o mais breve possível. Com isso, o funcionalismo de União, estados e municípios terão os salários congelados até 2021. Bolsonaro afirmou que o congelamento de salários é o remédio menos amargo. A demora em assinar a sanção do projeto já permitiu que ao menos três estados autorizassem revisões salariais a seu funcionalismo. A fala do presidente foi apoiada pelos gestores locais participantes da videoconferência. Todos os 27 administradores estavam presentes. Em nome da maioria, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), disse que os gestores apoiam o veto à possibilidade de aumento para servidores.

Incluída em: 21/05/2020 - 17:39

VoltarVoltar

 
  19:53 - Aqui 1 milhão de recuperados
  19:44 - Feder desiste de ser ministro
  19:37 - Mais máquinas para pneus
  19:36 - Fachadas emborrachadas
  19:35 - Prolar comemora 50 anos
  19:33 - Campus universitário Torres
  19:30 - Um novo e-book da Remed
  19:29 - Mulheres empreendedoras
  19:25 - Pandemia custará R$ 600 bi
  19:19 - Salão on-line do calçado