AffonsoRitter.com.br
 
 
Última atualização às:
19:03 - 14/07/2020
Página principal com destaques Destaques
Confira todas as notícias Notícias
Confira nossa NewsLetter NewsLetter
Saiba quem é Affonso Ritter Quem é ?
Entre em contato Contato
Seção Empreendedores Empreendedores
Seção Amantes do Vinho Amantes do Vinho
Dicas de Links Dicas de links
 
BRDE
Banrisul - Digital - Parcelamento Cartao Credito
GBOEX
Intelig?ncia em Tecnologia da Informa??
 
 
 
A adaptação ao home offce

Em pouco tempo após o início da pandemia do novo coronavírus, setores econômicos conseguiram pôr quase 100% do efetivo trabalhando em casa, quando o isolamento social dos que não atuam em atividades essenciais foi imposto. Empresas de tecnologia tomam a dianteira nessa operação remota, mas estudo da Mercer, consultoria global de recursos humanos, mostra que em 32% das grandes empresas a quarentena teve impacto mínimo na operação justamente por causa da prática do home office. Isso ocorreu nas áreas de seguros, financeiro e de alta tecnologia. Na área de serviços não financeiros, o trabalho foi pouco afetado para 50% das companhias. "Teve que ser da noite para o dia, cerca de 15% das que ofereceram home office não tinham essa alternativa antes da pandemia. Foi aos trancos e barrancos, de mandar para casa primeiro, depois o desktop, aos poucos a ergonomia, internet, banda larga", afirma Rafael Ricarte, líder de produtos de carreira da Mercer Brasil. Os que conseguem trabalhar em casa são mais escolarizados, a maioria com superior completo, o que pode piorar a distribuição de renda no mercado de trabalho, alertam especialistas. Bruno Ottoni, pesquisador da Consultoria IDados, cita os EUA. Lá, em abril, trabalhadores do comércio, serviços e indústria foram os mais prejudicados. No Brasil, os dados vão até março, quando a quarentena começou.

Incluída em: 24/05/2020 - 20:26

VoltarVoltar

 
  21:28 - Poa em Cena está confirmado
  21:24 - Governo culpa a estatística
  20:25 - Mais fome na América Latina
  20:20 - PIB 2020 projeta agora -6,1%
  20:14 - A reforma tributária na mesa
  19:59 - Rússia anuncia vacina pronta
  19:53 - Milionáros pedem taxação
  19:45 - Crise entre militares e o STF
  19:41 - Uma crise como nunca antes
  19:32 - OMS está muito pessimista