AffonsoRitter.com.br
 
 
Última atualização às:
09:40 - 23/01/2021
Página principal com destaques Destaques
Confira todas as notícias Notícias
Confira nossa NewsLetter NewsLetter
Saiba quem é Affonso Ritter Quem é ?
Entre em contato Contato
Seção Empreendedores Empreendedores
Seção Amantes do Vinho Amantes do Vinho
Dicas de Links Dicas de links
 
Pix Pos Cadastro - Banrisul Digital
RS GOV BR Resolve
GBOEX
Advanced IT
 
 
 
Todeschni investe em serraria

O Grupo Todeschini de Bento Gonçalves inaugura mais um braço do seu negócio em Cachoeira do Sul (RS). É a Todesmade, um sonho antigo da família, que iniciou uma plantação de Pinus nos, anos 90, através da empresa Todesflor, com 10 mil hectares manejadas, que serão usadas agora para a abertura da maior e mais moderna serraria do RS. Todo o processo de construção da nova fábrica e produção foi nomeado como Projeto Sinergia - pois todo o produto que entra na fábrica terá destino certo, tudo será reaproveitado, seja como produto final ou biomassa (combustível para as caldeiras da própria produção). O objetivo do projeto é beneficiar madeiras nobres que servirão para construção civil, onde 70% da produção será destinada à exportação, principalmente para Estados Unidos e Europa. As toras de pinos serão a matéria-prima da Todesmade. As cascas se tornarão biomassa para a caldeira, que gera o vapor utilizado na secagem das tábuas. A serragem da madeira (que é um subproduto) é compactada com 10% de umidade e se torna em pellets, um biocombustível sólido. A meta é produzir 8 mil metros cúbicos por mês de madeira seca e 2,6 mil toneladas de pellets, ambos com foco na exportação. A madeira seca, por ser de boa qualidade, deverá ser utilizada pela indústria moveleira. A meta da Todesmade é retirar madeira de sua floresta e, se necessário, adquirir de outras empresas. O investimento estimado na nova fábrica é de R$ 105 milhões. Além dos pavilhões, o grupo Todeschini está investindo em máquinas modernas, grande parte delas importadas. A indústria contará com cinco prédios: serraria (para o corte e descasque da madeira), remanufatura (para classificação da madeira serrada e fábrica de pellets), caldeira, manutenção e o último que abrigará escritório, refeitório e vestiário. As edificações do complexo atingirão 20 mil m² em uma área total de 68 mil m².

Incluída em: 02/12/2020 - 23:02

VoltarVoltar

 
  10:59 - Chegada das vacinas da Índia
  10:46 - Higienização em atividade física
  10:29 - Pagamento antecipado do IPVA
  10:19 - O Banrisul vai emitir bonds
  21:07 - Incentivo à agroindústria no RS
  19:12 - Sistema estadual de Museus
  19:05 - 46 ônibus rurais esccolares
  18:46 - Loja de móveis em Santa Maria
  18:42 - As oportunidades tributárias
  18:40 - Primeira franquia de waffle